top of page

Homem confessa ter matado e esquartejado o próprio irmão em Santo Ângelo

O indivíduo, 38 anos, foi preso em flagrante durante a tarde desta terça-feira (10/10); O corpo foi encontrado em um terreno baldio

Fonte: Grupo Sepé

A Polícia Civil de Santo Ângelo, após diversas diligência, prendeu em flagrante ainda na tarde de ontem (10/10), um homem, de 38 anos, que confessou ter matado e esquartejado o corpo de seu irmão, identificado como Ysrael de Jesus Pinto Magdaleno, de 41 anos.


O corpo de Ysrael foi localizado no final da manhã desta terça-feira (10), em um terreno baldio, em Santo Ângelo.


Populares acionaram a Brigada Militar na Avenida Getúlio Vargas, nas proximidades da Cohab, no Centro Norte, após encontrarem os restos mortais da vítima.


Em seguida à perícia, os policiais entrevistaram moradores das proximidades, tendo um deles aventado a hipótese de se tratar de um venezuelano, morador das proximidades.


“Com essa informação, dirigimo-nos a esse local. No caminho, a cerca de 100 metros, 80 metros, de onde o corpo foi encontrado, deparamo-nos com alguns pingos de sangue na calçada. Isso então já nos causou estranheza”, comentou o delegado Rafael dos Santos titular da Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA), da cidade.

Ainda conforme a autoridade policial, no local, vizinhos reconheceram a vítima, declararam que Ysrael morava com o irmão em um apartamento e informaram que, no domingo, teria havido uma briga entre ambos, que estavam bebendo desde cedo. Os policiais realizaram buscas e localizaram o suspeito para esclarecimentos.


“Ele alegou que teria atuado em legítima defesa. Ele admite que ambos beberam, que ambos estavam bêbados. No apartamento, brigaram e o irmão teria sido o primeiro a pegar uma faca. Ele, para se defender, tomou a faca e acabou matando o irmão. Isso já no domingo à noite”, menciona o delegado.

Ainda de acordo com a autoridade policial, ele alegou que o irmão, depois que bebia, ficava bastante agressivo. Além disso referiu que, na noite, queria dormir, pois tinha uma entrevista de emprego no outro dia e que o irmão teria continuado bebendo e ouvindo música no apartamento, sendo o estopim de uma briga, que começou com socos.


O investigado mencionou também que queria sair do apartamento, mas que o irmão estava com chave no bolso e não permitia. Em um segundo momento, o irmão teria pego uma faca, ido para cima dele, quando, para se defender, ele tomou para si e deu facadas que levaram a óbito. Ainda segundo informações, o irmão, de fato, apresenta lesões da briga que diz ter ocorrido.


De acordo com a Polícia Civil, ele relatou que disse que passou a segunda-feira sem saber o que fazer e, na madrugada de segunda para terça, acabou levando o corpo onde foi encontrado. Imagens flagraram de duas passagens com partes do corpo do irmão, conforme o delegado.


No apartamento, foi feita perícia, sendo encontradas facas, vestígios de sangue e o cobertor utilizado para enrolar a vítima e levar até o local onde foi encontrada. Outros elementos coletados, com importância para a investigação, também foram coletados.


Fonte: Grupo Sepé

0 comentário

Commenti


PUBLICIDADE PADRÃO.png

Destaques aqui no site!

Quem viu esse post, também viu esses!

bottom of page