top of page

Jogador que chutou árbitro na cabeça durante partida vai a júri em Venâncio Aires

Começa nesta terça-feira (7) o júri do jogador de futebol que agrediu um árbitro com um chute na cabeça durante uma partida da Série A2 do Campeonato Gaúcho em outubro de 2021. William Cavalheiro Ribeiro, que jogava no São Paulo de Rio Grande, é acusado de tentativa de homicídio qualificado por motivo fútil. O julgamento presidido pelo juiz João Francisco Goulart Borges ocorre na 1ª Vara Judicial de Venâncio Aires, no Vale do Rio Pardo, a 131 km de Porto Alegre, cidade onde ocorreu o jogo.


A defesa de William Ribeiro afirma que considera a denúncia de tentativa de homicídio "como uma acusação excessiva e que caberá à comunidade de Venâncio Aires a decisão que entender como justa". O jogador responde ao processo em liberdade.


O promotor responsável pela denúncia, Pedro Rui da Fontoura Porto, afirmou que William assumiu o risco da morte do árbitro. "Não só criou como também assumiu o risco de produzir o resultado morte, que somente não se consumou por circunstâncias alheias, devido à pronta intervenção de outros atletas e autoridades e, notadamente, ao rápido e eficaz atendimento médico", disse ao apresentar a acusação em novembro de 2011.


Foto: g1 RS

O árbitro Rodrigo Crivellaro, que foi agredido na ocasião, constituiu representante, que atua como assistente de acusação no processo. Ele chegou a ficar seis meses afastado das atividades, em razão da recuperação das lesões.


A pena prevista no Código Penal é de 12 a 30 anos de reclusão. Quando o crime é tentado, pode haver diminuição da pena de um a dois terços da condenação. O jogador chegou a ser preso em flagrante pela agressão, mas foi solto após decisão judicial.


Fonte: g1 RS

0 comentário

Comments


PUBLICIDADE PADRÃO.png

Destaques aqui no site!

Quem viu esse post, também viu esses!

bottom of page