top of page

Leite anuncia R$ 2,5 mil para famílias na faixa da extrema pobreza

Programa Volta por Cima atenderá famílias enquadradas em extrema pobreza que tenham sido afetados pelas enchentes de maio. Governo anunciou ainda plano de recuperação e criação de nova secretaria de reconstrução

O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB), anunciou, em coletiva de imprensa nesta sexta-feira (17/5), o início do pagamento de um auxílio no valor de 2,5 mil para famílias que foram afetadas pelas fortes chuvas que atingem o estado.


O programa Volta por Cima foi criado no ano passado, com o intuito de alcançar aqueles que sofreram com as enchentes de setembro de 2023. O benefício é válido para residentes das regiões inundadas e famílias em situação de pobreza e extrema pobreza inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico).


O governador disse que já foi efetuado o pagamento do benefício para sete mil famílias desabrigadas. Ainda segundo ele, a previsão é de que até o dia 24 deste mês seja feito o depósito para outras 40 mil.


“Plano Rio Grande”


Ao discursar, Eduardo Leite voltou a citar o Plano Marshall (responsável pela recuperação econômica das principais potências europeias no período após a Segunda Guerra Mundial) e destacou que o Rio Grande do Sul precisa agora do “Plano Rio Grande”, focado em “reconstruir vida, lugares e o futuro do estado”. E garantiu que seu mandato à frente do governo será o de reconstrução: “Não teremos divisão para reconstruir o Rio Grande, a cooperação será fundamental”.


Também na ocasião, foi anunciado um Comitê Científico de Adaptação e Resiliência Climática, que não terá lideranças definidas, mas composto por técnicos, com o foco em deixar o estado mais resistente para possíveis tragédias futuras.


A Secretaria da Reconstrução Gaúcha será outra criação do governo do estado. A pasta será comandada por Pedro Capeluppi. Com feitos focados no médio prazo, a secretaria "envolve diagnóstico da situação atual, quantificação dos danos, plano de ação e processo de reconstrução", de acordo com Leite.


Pix SOS RS


O Pix SOS Rio Grande do Sul irá repassar o dinheiro de doações para vítimas das enchentes, são R$ 2 mil por família. Inicialmente terão direito ao auxílio grupos familiares com renda de até três salários mínimos, que não estejam contempladas pelo projeto Volta por Cima, com cartão emitido pela Caixa Econômica Federal, SOS Rio Grande do Sul.


Fonte: Correio Braziliense

0 comentário

Comments


PUBLICIDADE PADRÃO.png

Destaques aqui no site!

Quem viu esse post, também viu esses!

bottom of page