top of page

Morte de mulher em Caibaté tem relação com tráfico de drogas, aponta Polícia

O crime ocorreu na noite da última quarta-feira (28/02), e vitimou Laísa da Luz Carvalho

Foto: Internet - Reprodução

De acordo com o que ficou evidenciado nas apurações já realizadas pela Delegacia de Repressão às Ações Criminosas Organizadas (Draco), de São Luiz Gonzaga, a morte de Laísa da Luz Carvalho no interior de Caibaté, na noite da quarta-feira (28), tem relação com o tráfico de drogas, segundo o titular da especializada, delegado Heleno dos Santos. 


Conforme a autoridade policial, diligências foram realizadas no local do crime e na cidade de Caibaté. Além disso, houve também acompanhamento das perícias e da lavratura de uma prisão em flagrante realizada. O projétil retirado da vítima será enviado para confrontação com a arma apreendida, para que não haja dúvidas acerca da autoria.


“O namorado da vítima, segundo o que consta na investigação,  teria envolvimento no tráfico com o pessoal de Ijuí e, em razão de uma desavença nos acertos, digamos assim, mandaram matá-lo. E um rapaz de 19 anos, de Caibaté, que já era amigo dele, teria atraído ele até um local ermo no interior de Caibaté, a título de carona. Na verdade seria uma negociação envolvendo drogas. O namorado da vítima estaria trabalhando para dois grupos criminosos distintos da região de Ijuí, o que significa que estaria "traindo" os comparsas, ao trabalhar ao mesmo tempo para grupos rivais ”, menciona o delegado Heleno dos Santos.

Vítima Laísa da Luz Carvalho - Foto: Redes Sociais

Ainda segundo a autoridade policial, o jovem, que é apontado como matador pela Polícia, admitiu, informalmente, ter sido "contratado" por traficantes/presos de Ijuí para matar o namorado da vítima. Ainda de acordo com o delegado, o apontado pela Polícia como o autor da morte foi na carona do carro da pessoa que seria a vítima, que acabou levando  a namorada junto. 


“ Quando chegaram no local, esse matador simulou que estava precisando da ajuda dele com a lanterna. Quando a vítima se aproximou, ele sacou o revólver e teria efetuado disparo contra a vítima. A vítima não foi atingida e o disparo atingiu a namorada, que estava no banco do carona e ela morreu com esse disparo que atingiu a região da cabeça”, afirma o delegado Heleno dos Santos.

Ainda conforme a autoridade policial, o homicídio está esclarecido, com o trabalho, agora, direcionado aos mandantes e ao crime de tráfico de drogas em Caibaté. O delegado menciona que não é descartada a participação de outras pessoas. Heleno dos Santos reforça que denúncias podem ser feitas, de forma anônima, pelo WhatsApp  (55) 984236177, da Draco, sendo garantido o sigilo.

Suspeito da morte foi preso pela Brigada Militar


O suspeito da morte de uma mulher, no interior do município de Caibaté, na noite dessa quarta-feira (28), foi preso pela Brigada Militar. De acordo com essa força de segurança, após intensas buscas nas imediações do local da prática do crime, as guarnições localizaram o homem em uma lavoura de soja, na manhã da quinta-feira (29).


Ele foi encaminhado para a Polícia Civil de São Luiz Gonzaga, onde foi lavrado o Auto de Prisão em Flagrante. De acordo com o 14° Batalhão de Polícia Militar, na ação, foram apreendidos um telefone celular, cinco munições deflagradas calibre 38, uma munição intacta calibre 38 e um revólver marca Taurus calibre 38.

 

Texto: Redação do Grupo Sepé

0 comentário

Comentarios


PUBLICIDADE PADRÃO.png

Destaques aqui no site!

Quem viu esse post, também viu esses!

bottom of page