top of page

Nível do Guaíba segue em redução e cai para 4,52 metros em Porto Alegre

Nas últimas 24 horas, o patamar da água baixou 17 centímetros, conforme medição realizada às 10h15 deste sábado (18) pela Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA) no Cais Mauá

Praça da Alfândega - Jonathas Costa

O nível do Guaíba, em Porto Alegre, segue em redução. Nas últimas 24 horas, o patamar da água baixou 17 centímetros, caindo de 4,69 metros para 4,52 metros, conforme medição realizada às 10h15 deste sábado (18) pela Agência Nacional de Águas e Saneamento Básico (ANA) no Cais Mauá. A marca ainda está mais de 1,50 metro acima da cota de inundação (3 metros).


Na sexta-feira, o recuo do nível do lago permitiu a retirada de uma comporta no Centro Histórico, facilitando o escoamento da água acumulada nas ruas. Com a operação, será possível acessar duas casas de bomba, que ajudam a drenar a água acumulada nas ruas para fora da área urbana.


As comportas são grandes portões de ferro que impedem que a água do lago invada a cidade. Já as bombas são equipamentos elétricos que bombeiam para fora da cidade a água que toma as redes de esgotos.


Com as cheias, houve problemas nesse sistema, o que permitiu a inundação de parte da área urbana da capital.


Com o recuo do Guaíba, a população começou a retornar às suas casas e apartamentos para descobrir quais pertences foram perdidos e que ainda pode ser salvo.


Nesta sexta-feira (17), o Rio Grande do Sul chegou a 154 mortes em razão dos temporais. O governo do estado anunciou o pagamento de R$ 2,5 mil para famílias na faixa da extrema pobreza, além de um plano de reconstrução de cidades afetadas pela tragédia.


Fonte: G1 RS

0 comentário

Kommentare


PUBLICIDADE PADRÃO.png

Destaques aqui no site!

Quem viu esse post, também viu esses!

bottom of page