top of page

Policiais do 5º RPMon participam de operação do Ministério Público em Itaara

16 Policiais Militares do 5º RPMon estiveram em ação durante a manhã de hoje (17/11), em diligências do Ministério Público do Rio Grande do Sul, por meio da Procuradoria da Função Penal Originária, que cumpre mandados judiciais de suspensão cautelar do exercício do cargo de prefeito municipal de Itaara, Silvio Weber (PSB), da secretária Municipal de Educação, Luciane de Andrades Lemos, e do diretor de Serviços do município, Victor Flores Niederauer.

Foto: MPRS

A suspensão é válida pelo prazo de 180 dias e inclui também a proibição do ingresso nas dependências do Poder Executivo local e de manter qualquer tipo de contato com os demais suspeitos. Cumpre, também, 12 mandados de busca e apreensão na sede do Executivo Municipal, na Câmara de Vereadores, nas residências dos investigados e na sede empresarial de um dos envolvidos.

Foto: MPRS
Foto: MPRS

Os mandados, cumpridos também nos municípios de Santa Maria e Tupanciretã, foram determinados pela Quarta Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul.


A operação, denominada “Santidade”, é uma alusão ao prefeito de Itaara, apelidado de “Padre” pelo sacerdócio por ele desempenhado na igreja da comunidade.


A investigação revelou um esquema criminoso capitaneado pelo prefeito, de direcionamento de certames públicos, com objetos superfaturados. Em um deles, o prejuízo aproximado alcançou o montante de R$ 471.106,63. Há suspeitas, ainda, do pagamento de vantagens indevidas a agentes públicos, com consequente desvio de rendas públicas. Ainda pesa contra o prefeito, como autor intelectual, e mais dois investigados a imputação de crime de roubo na residência do presidente do Legislativo.


Fonte: Bei - MPRS

0 comentário

Comments


PUBLICIDADE PADRÃO.png

Destaques aqui no site!

Quem viu esse post, também viu esses!

bottom of page