top of page

Talibã realiza primeira execução em público desde que retornou ao poder no Afeganistão

Homem condenado por assassinato foi morto pelo princípio que faz com que o criminoso sofra o mesmo dano que causou

Foto: WAKIL KOHSAR/AFP

Um homem condenado por assassinato no Afeganistão foi executado em público nesta quarta-feira (7), na primeira sentença desse tipo pronunciada pelos talibãs desde que retornaram ao poder.


"O tribunal supremo foi instruído a aplicar esta ordem de 'qisas' durante uma reunião pública dos moradores", disse o porta-voz do Talibã, Zabihullah Mujahid, em um comunicado, ao se referir a uma lei islâmica.


O qisas é um princípio islâmico semelhante à lei de talião, que consiste em fazer com que o criminoso sofra um dano igual ao que causou.


O comunicado identifica o condenado como Tajmir, filho de Ghulam Sarwar, e diz que ele residia no distrito de Anjil, na província de Herat, também no oeste do país.


No mês passado, o líder supremo do Talibã, Hibatullah Akhundzada, ordenou aos juízes que implementassem totalmente os aspectos da lei islâmica, como as execuções públicas, o apedrejamento, o açoitamento e a amputação de ladrões.


Desde então, as autoridades castigaram com várias chicotadas em público, mas a execução desta quarta-feira em Farah (oeste), capital da província de mesmo nome, é a primeira que anunciam.


Fonte: R7

0 comentário

Comments


PUBLICIDADE PADRÃO.png

Destaques aqui no site!

Quem viu esse post, também viu esses!

bottom of page