top of page

Cavalo fica ilhado em cima do telhado de casa em Canoas

Globocop flagrou o animal; Estado tem 100 mortos e mais de 120 desaparecidos por conta das chuvas

Um cavalo ficou ilhado em cima do telhado de uma casa na região de Canoas, no Rio Grande do Sul, após fortes tempestades atingirem o estado e causarem diversos pontos de alagamentos (veja detalhes no vídeo acima). A Defesa Civil Nacional fez uma operação para salvar o animal, mas o resgate não havia sido confirmado até a última atualização desta reportagem.


As chuvas provocaram a morte de 100 pessoas e deixaram mais de 120 desaparecidos até o início da tarde desta quarta-feira. Parte de Porto Alegre ficou submersa. O aeroporto e a rodoviária da cidade estão sem operar. As condições climáticas de instabilidade devem permanecer até o fim de semana.

Muitas organizações estão resgatando animais no estado. Na região metropolitana de Porto Alegre, em bairros alagados, voluntários buscam animais abandonados durante as enchentes.


Há 230,4 mil pessoas fora de casa. Desse total, são 66,7 mil em abrigos e 163,7 mil desalojados (pessoas que estão nas casas de familiares ou amigos).


Com a chegada de uma frente fria, a situação pode ficar mais grave. A partir desta quarta-feira (8) estão previstas chuvas com volumes acima de 100 milímetros para algumas cidades, queda de temperatura e ventos de até 100 km/h.


Há 230,4 mil pessoas fora de casa. Desse total, são 66,7 mil em abrigos e 163,7 mil desalojados (pessoas que estão nas casas de familiares ou amigos).


Com a chegada de uma frente fria, a situação pode ficar mais grave. A partir desta quarta-feira (8) estão previstas chuvas com volumes acima de 100 milímetros para algumas cidades, queda de temperatura e ventos de até 100 km/h.


Fonte: G1 RS

0 comentário

ความคิดเห็น


PUBLICIDADE PADRÃO.png

Destaques aqui no site!

Quem viu esse post, também viu esses!

bottom of page