top of page

Concurso Nacional Unificado será no dia 18 de agosto

Governo federal anunciou nesta quinta-feira (23) a nova data; ministério diz que todos os cadernos de prova estão preservados e em segurança 

O Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos (MGI) definiu, nesta quinta-feira (23/5), a nova data de aplicação do Concurso Público Nacional Unificado (CNU), mais conhecido como “Enem dos Concursos”. As provas estão previstas para 18 de agosto.


Inicialmente, o CNU estava marcado para 5 de maio, mas foi suspenso devido à calamidade pública no Rio Grande do Sul, que sofreu fortes impactos das chuvas na região, no fim de abril.


O Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos (MGI) definiu, nesta quinta-feira (23/5), a nova data de aplicação do Concurso Público Nacional Unificado (CNU), mais conhecido como “Enem dos Concursos”. As provas estão previstas para 18 de agosto.


Inicialmente, o CNU estava marcado para 5 de maio, mas foi suspenso devido à calamidade pública no Rio Grande do Sul, que sofreu fortes impactos das chuvas na região, no fim de abril.


Provas não foram violadas, diz MGI


Em nota, o MGI informou que, “após o adiamento causado pelo desastre no Rio Grande do Sul, todos os 18.757 malotes de prova foram recolhidos em todo o Brasil para um local seguro”.


Ainda de acordo com o ministério, os malotes foram “checados, um a um, por membros da rede de segurança”, reforçando que “não houve qualquer violação” em nenhum dos materiais.


CNU no Rio Grande do Sul


Agora, o MGI se prepara para começar o diálogo institucional a fim de garantir os locais de prova, dando prioridade para a manutenção dos locais definidos anteriormente.


No caso do Rio Grande do Sul, haverá um “diálogo especial” para garantir o acesso das pessoas inscritas no estado.


CNU, o “Enem dos Concursos”


O Concurso Nacional Unificado consiste em um modelo de realização conjunta de concursos públicos, aos moldes do Enem, para o provimento de cargos públicos efetivos.


No total, o CNU ofertará 6.640 vagas distribuídas em 21 órgãos da administração pública federal. O MGI totalizou 2,1 milhões de inscrições para a primeira edição do concurso.


Candidatos do “Enem dos Concursos” concorrem a uma das vagas em oito blocos temáticos (confira a distribuição abaixo).


  • Bloco 1 – Administração e Finanças Públicas (727 vagas)

  • Bloco 2 – Setores Econômicos, Infraestrutura e Regulação (597 vagas)

  • Bloco 3 – Agricultura, Meio Ambiente e Desenvolvimento Agrário (530 vagas)

  • Bloco 4 – Educação, Ciência, Tecnologia e Inovação (971 vagas)

  • Bloco 5 – Políticas Sociais, Justiça e Saúde (1.016 vagas)

  • Bloco 6 – Trabalho e Previdência (359 vagas)

  • Bloco 7 – Dados, Tecnologia e Informação (1.748 vagas)

  • Bloco 8 – Nível Intermediário (692 vagas)


Fonte: Metrópolis

0 comentário

Comentários


PUBLICIDADE PADRÃO.png

Destaques aqui no site!

Quem viu esse post, também viu esses!

bottom of page