top of page

Harmonia registrou ventos acima de 100 km/h durante temporal, estima Defesa Civil

Levantamento preliminar aponta que 80 residências foram atingidas. Município ficou sem energia elétrica e teve problemas no sinal de telefonia

Foto: Prefeitura Municipal de Harmonia

O domingo (29) teve levantamento dos prejuízos e trabalhos de reconstrução em Harmonia, cidade de 5 mil habitantes no Vale do Caí, a 75 km de Porto Alegre. Durante a chuva que atingiu a região na tarde de sábado (28), foram registrados ventos acima de 100 km/h, segundo a Defesa Civil.


O prefeito de Harmonia, Ernani Forneck, afirmou que vai decretar situação de emergência no município para viabilizar a captação de recursos. Bombeiros voluntários e equipes locais auxiliaram moradores nos primeiros reparos.


A Defesa Civil ainda contabiliza os estragos e tenta entender qual fenômeno atingiu o município, mas já há as primeiras informações. Trata-se de uma microexplosão, caracterizada por fortes rajadas de vento.


Um levantamento preliminar aponta que 80 residências foram atingidas. Toda a cidade chegou a ficar sem energia elétrica e com problemas no sinal de telefonia.


O vendaval destruiu completamente o ginásio da Escola Estadual Jacob Hoff. O espaço havia sido reformado no ano passado, segundo a direção da instituição.


Quatro geradores foram instalados para manter o abastecimento de água na cidade. Lonas estão sendo distribuídas às famílias afetadas.


''Nós tínhamos um lindo ginásio, que as crianças adoravam. Agora, nós temos escombros, pedaços de pedra, ferro, tudo voando por aí. Tudo no meio dos matos, em cima das casas, é o que a gente tem agora'', lamenta a diretora do colégio, Veranice Berwanger Schneider.


Apesar dos estragos provocados pelo vendaval, ninguém ficou ferido.


Impactos no RS


A CEEE Equatorial afirma que 86 mil locais ficaram sem energia elétrica no estado, principalmente nas regiões Sul, Centro-Sul e Metropolitana. Até a atualização mais recente desta reportagem, Porto Alegre somava 9 mil clientes sem luz, seguido dos municípios de Eldorado do Sul (2 mil), Canguçu e São Jerônimo (1,6 mil cada) e Pelotas (1 mil).


As equipes seguem trabalhando para restabelecer o fornecimento de energia o mais breve possível.


Na capital, a Defesa Civil municipal registrou 32 ocorrências, sendo 21 sobre destelhamento de casas. Cerca de 80 famílias foram atingidas, segundo a prefeitura. Lonas são distribuídas aos moradores de residências afetadas.


O temporal com vento forte também causou estragos em Santa Cruz do Sul, no Vale do Rio Pardo, a 153 km de Porto Alegre. Nos bairros Rauber, Esmeralda, Ohland, São João e Santo Inácio houve destelhamento de casas. Cerca de 10 residências foram atingidas pelas rajadas de vento, conforme a Defesa Civil.


Fonte: G1 RS


0 comentário

Comments


PUBLICIDADE PADRÃO.png

Destaques aqui no site!

Quem viu esse post, também viu esses!

bottom of page