top of page

Pesquisa Ipec no RS: Leite tem 38% e Onyx, 24%


Fotos Divulgação

A segunda pesquisa Ipec divulgada nesta sexta-feira (2) revela os índices de intenção de voto para o cargo de governador do Rio Grande do Sul. O candidato Eduardo Leite (PSDB) mantém a liderança, com 38%. Onyx Lorenzoni (PL) aparece com 24%.


A pesquisa ouviu 1.200 pessoas entre os dias 30 de agosto e 1º de setembro em 62 municípios. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos, considerando nível de confiança de 95%.


A pesquisa foi contratada pela RBS Participações S.A. e registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-02047/2022 e no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) sob o número RS-07668/2022.


Fotos: Divulgação

Resposta estimulada e única, em %:


Eduardo Leite (PSDB): 38% (na pesquisa anterior, de 15/8, estava com 32%)


Onyx Lorenzoni (PL): 24% (na pesquisa anterior, de 15/8, estava com 19%)


Edegar Pretto (PT): 9% (na pesquisa anterior, de 15/8, estava com 7%)


Luis Carlos Heinze (PP): 6% (na pesquisa anterior, de 15/8, estava com 6%)


Roberto Argenta (PSC): 2% (na pesquisa anterior, de 15/8, estava com 2%)


Vieira da Cunha (PDT): 2% (na pesquisa anterior, de 15/8, estava com 3%)


Paulo Roberto* (PCO): 1% (na pesquisa anterior, de 15/8, estava com 1%)


Rejane de Oliveira (PSTU): 1% (na pesquisa anterior, de 15/8, estava com 2%)


Ricardo Jobim (Novo): 1% (na pesquisa anterior, de 15/8, estava com 1%)


Vicente Bogo (PSB): 1% (na pesquisa anterior, de 15/8, estava com 1%)


Carlos Messalla (PCB): 0% (na pesquisa anterior, de 15/8, estava com 0%)


Brancos e nulos: 7% (na pesquisa anterior, de 15/8, estava com 12%)


Não sabe/Não respondeu: 9% (na pesquisa anterior, de 15/8, estava com 14%)


* Paulo Roberto (PCO) teve a candidatura impugnada pelo Tribunal Regional Eleitoral depois do registro da pesquisa. O partido ainda pode recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral.


2º turno

Na simulação para um eventual 2º turno, a pesquisa do Ipec aponta vitória do candidato ao governo do Rio Grande do Sul pelo PSDB Eduardo Leite, com 49%, contra Onyx Lorenzoni (PL), que aparece com 35%.


Para a simulação, o Ipec utilizou como critério testar os candidatos que atingiram dois dígitos de intenção de voto na primeira pesquisa, divulgada em 15 de agosto.


Leite x Onyx; resposta estimulada e única, em %:


Eduardo Leite (PSDB): 49%


Onyx Lorenzoni (PL): 35%


Brancos e nulos: 10%


Não sabe/Não respondeu: 6%


Rejeição


A pesquisa também revelou que Eduardo Leite (PSDB) tem também a maior rejeiçãoentre os candidatos ao governo do Rio Grande do Sul.

A parcela de 25% dos entrevistados afirma que não votaria de jeito nenhum em Leite. Na sequência aparece Onyx Lorenzoni (PL), com 18% de rejeição.


Candidatos em que não votariam de jeito nenhum, em %:


Eduardo Leite (PSDB): 25% (na pesquisa anterior, de 15/8, estava com 32%)


Onyx Lorenzoni (PL): 18% (na pesquisa anterior, de 15/8, estava com 18%)


Edegar Pretto (PT): 11% (na pesquisa anterior, de 15/8, estava com 6%)


Luis Carlos Heinze (PP): 8% (na pesquisa anterior, de 15/8, estava com 6%)


Vieira da Cunha (PDT): 8% (na pesquisa anterior, de 15/8, estava com 6%)


Roberto Argenta (PSC): 7% (na pesquisa anterior, de 15/8, estava com 4%)


Paulo Roberto* (PCO): 6% (na pesquisa anterior, de 15/8, estava com 5%)


Rejane de Oliveira (PSTU): 6% (na pesquisa anterior, de 15/8, estava com 3%)


Ricardo Jobim (Novo): 6% (na pesquisa anterior, de 15/8, estava com 3%)


Vicente Bogo (PSB): 5% (na pesquisa anterior, de 15/8, estava com 4%)


Carlos Messalla (PCB): 4% (na pesquisa anterior, de 15/8, estava com 3%)


Poderia votar em todos: 9% (na pesquisa anterior, de 15/8, estava com 9%)


Não sabe/Não respondeu: 24% (na pesquisa anterior, de 15/8, estava com 22%)


Fonte: G1 RS



0 comentário

Comments


PUBLICIDADE PADRÃO.png

Destaques aqui no site!

Quem viu esse post, também viu esses!

bottom of page