top of page

Polícia prende 26 pessoas durante operação contra tráfico de drogas em Rosário do Sul

Um dos presos é suspeito de ter instigado, de dentro da prisão, briga que terminou com 14 feridos no Presídio Estadual de Rosário de Sul em março deste ano

Foto: Greici Siezemel

A Polícia Civil prendeu 26 pessoas durante uma operação contra o tráfico de drogas, na manhã desta quinta-feira (27), em Rosário do Sul e Uruguaiana, na Fronteira Oeste do Rio Grande do Sul; em Santa Maria, na Região Central; e em Caxias do Sul, na Serra.


Conforme o delegado delegado Giovani Lovato, responsável pela ação, foram expedidos 25 mandados de prisão preventiva; 32 de busca e apreensão; 19 bloqueios bancários; e duas transferências de detentos do sistema prisional.


Dos 26 presos, 23 foram presos preventivamente por tráfico de drogas e três, em flagrante – sendo que uma delas, por posse ilegal de arma de fogo. Do total, 11 já cumpriam pena por algum crime cometido anteriormente e ocupavam celas em prisões de Rosário do Sul, Santa Maria, Uruguaiana e Caxias do Sul.


"Temos provas que apontam o envolvimento de todas essas pessoas com o armazenamento, venda e controle de drogas na cidade, principalmente maconha, crack e cocaína nos bairros Vila Nova, Areias Brancas, Jardim Paraíso e Jorge Arigony", explica o delegado Lovato.

Lovato sinaliza, ainda, que três das pessoas que já estavam presas foram identificadas como chefes do esquema de tráfico de drogas que existe na cidade. Uma delas é suspeita de ter instigado, de dentro da prisão, uma briga entre detentos que terminou com 14 feridos no Presídio Estadual de Rosário do Sul.


A investigação do caso começou em 2020 e aponta que os chefes do esquema se uniram para controlar o tráfico na cidade. A polícia descobriu, inclusive, que, mesmo preso, um deles continuava a tomar decisões a respeito da forma como o crime era conduzido. Uma das pessoas presas é a esposa dele, que usava o nome da irmã do esposo para movimentar dinheiro. Ela era laranja do esquema que buscava encobrir a origem do dinheiro.


Todos foram levados para a delegacia de polícia e, então, seriam encaminhados para casas prisionais.


Fonte: G1 RS


0 comentário

Comentarios


PUBLICIDADE PADRÃO.png

Destaques aqui no site!

Quem viu esse post, também viu esses!

bottom of page